Qual o jeito certo de correr?

Muitos corredores ficam em dúvida sobre o jeito certo de correr, qual a melhor forma de correr sem causar lesões e obter o melhor desempenho? Para obter esta resposta, o corredor e colunista da Folha de São Paulo, Rodolfo Lucena, entrevistou 5 especialistas em corrida, a seguir reproduzimos um trecho das entrevistas, com as 5 respostas para a pergunta.

Corrida_como correr

O jeito certo de correr

O primeiro a dar seu depoimento, pela ordem alfabética, é ALEXANDRE BLASS, 36, bacharel em esporte (USP) e mestre em alto rendimento esportivo (Porto, Portugal). Técnico de triatlo, corrida de fundo e de aventura, criou em 2006, em parceria com o fisioterapeuta Marcelo Semiathz, o método Força Dinâmica.

+Corrida – Existe um jeito certo de correr ou cada pessoa tem o seu jeito?

Alexandre Blass - Cada pessoa tem seu jeito de correr, porém desenvolvemos um método para avaliar e interferir na corrida.

O jeito certo de correr – 2

Acompanhe agora a entrevista com o treinador MARCOS PAULO REIS, 47, diretor da MPR Assessoria Esportiva e autor de “Caminhada e Corrida” e “Caminhada Já!”

+Corrida – Existe um jeito certo de correr ou cada pessoa tem o seu jeito?

Marcos Paulo Reis – Existem estudos biomecânicos que demonstram que corredores que possuem uma mecânica de corrida mais eficiente via de regra são mais econômicos e consequentemente mais rápidos. Porém o movimento da corrida é resultado de uma evolução do movimento da marcha, que executamos desde que começamos a dar os primeiros passos quando crianças. A corrida acaba sendo o movimento de caminhada executado de forma mais acelerada. Há indivíduos que têm uma marcha mais eficiente, o que acaba sendo transferido para a corrida. Alguns desvios de postura ou encurtamentos musculares acabam influenciando na postura, na sequência no movimento da marcha e por último influenciando na corrida. É por isso que as pessoas apresentam jeitos diferentes de correr.

O jeito certo de correr – 3

Acompanhe a seguir a entrevista com MARIO SERGIO ANDRADE SILVA, diretor técnico da Run & Fun, presidente da Esporte Solidário e autor do livro “Corra!”

+Corrida – Existe um jeito certo de correr ou cada pessoa tem o seu jeito?

Mário Sérgio - A ciência ainda não conseguiu obter essa resposta. Aliás, o desafio do treinador é distinguir erro de “estilo”. Isso acontece porque as pesquisas ainda se encontram em estágio embrionário, sem ter encontrado um padrão supostamente ideal de corrida, tanto em termos de economia de movimento como em se tratando de prevenção de lesão. Há casos de corredores de elite que correm de um jeito “feio” e desengonçado. O que fazer? Será que, ao “corrigir” esse padrão, ele melhorará ou piorará sua performance?

O jeito certo de correr – 4

Acompanhe a seguir a entrevista com o ultramaratonista VALMIR NUNES, 47, recordista sul-americano de provas de 24 horas e autor de “Segredos de um Ultramaratonista”.

+Corrida – Existe um jeito certo de correr ou cada pessoa tem o seu jeito?

Valmir Nunes - Cada pessoa tem o seu jeito, não há como mudar.

O jeito certo de correr – 5

Acompanhe agora a última entrevista desta série, com VITOR TESSUTTI, 38, bacharel em esporte e mestre em Ciências pelo Depto. de Fisioterapia, Fonoaudiologia e Terapia Ocupacional da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo.

+Corrida – Existe um jeito certo de correr ou cada pessoa tem o seu jeito?

Vitor Tessuti – Em minha concepção,existe uma forma que cada corredor encontra, durante a sua prática, para executar a corrida de uma forma mais econômica. Existem diferenças sutis na técnica, como a forma de contato do pé com o solo, a forma como o pé rola do calcanhar à ponta do dedo, a forma como flexiona o joelho, a forma como flexiona o quadril, o posicionamento do tronco e da cabeça, e a movimentação dos braços. Todos esses fatores interferem na corrida de uma pessoa, além de outros movimentos mais sutis. E esses movimentos dependem do histórico esportivo de cada um na vida pregressa à prática da corrida.

Não se pode esquecer que cada movimento citado acima e outros mais sutis ocorrem de forma sobreposta e não de forma seqüencial. Quando se fala em forma eficiente de correr é que existe uma coordenação ótima desses movimentos, de uma forma que nenhuma deles interfere negativamente no outro.

Escrito por Rodolfo Lucena.

Veja a matéria completa com outras perguntas e respostas no blog do Rodolfo Lucena.

About these ads

Sobre LUCZ consultoria em esporte

Consultoria em Esporte, Fitness e Qualidade de Vida. Projetos e Marketing Esportivo, Gestão em esporte e Fitness, Treinamento, palestras e Eventos esportivos.
Esse post foi publicado em Corrida, Esporte, Interessantes e marcado , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s